Bem-vindo! Hoje é terça-feira, 22 de outubro de 2019

Documentário produzido por alunos do Jornalismo da Urcamp marca 60 anos da Escola Frei Plácido

Professores, funcionários e ex-colaboradores participaram do ato

O acervo da Escola Estadual de Ensino Médio Frei Plácido, que comemorou 60 anos no dia 13 de junho, foi apresentado, no último sábado, através de um documentário produzido por 12 alunos do 5º semestre do curso de  Jornalismo da Universidade da Região da Campanha (Urcamp). O audiovisual coordenado pela professora Roberta Mércio foi exposto durante um jantar comemorativo para professores, funcionários e ex-colaboradores da instituição.

De acordo com a professora Roberta Mércio, foram dois meses de pesquisa, preparação, entrevistas e filmagens até a finalização do material, que ocorreu na semana passada. O documentário possui 25 minutos de duração. Roberta salienta que já foram realizadas outras parcerias com as escolas municipais Geteco e Pérola Gonçalves, mas essa foi a primeira em uma instituição da rede estadual. “A memória da escola foi resgatada com os depoimentos de ex e atuais professores e funcionários”, conta.

De acordo com a docente, o documentário é uma das oportunidades que o aluno tem para vivenciar, na prática, aquilo que ele está aprendendo em sala de aula. “Foi uma experiência ótima, de construção até a finalização de uma reportagem especial”, destaca.

A professora enfatiza que essa é uma das metas da Urcamp, de levar para a comunidade o que se produz dentro do curso. “Muito material produzido pelos alunos fica engavetado. Com esse trabalho, auxiliamos para que o aluno tenha um portifolio melhor quando ingressar no mercado de trabalho”, frisa.  

A diretora da Escola Frei Plácido, Isabel Cristina Corrêa, ressalta a importância da data e do documentário para homenagear todos que passaram e ajudaram a construir a história da instituição. “O jantar e a apresentação do documentário marcaram o encerramento das comemorações, que duraram toda a semana, com várias atividades”, lembra. 

O trabalho de documentários é desenvolvido dentro da proposta do Programa  de extensão Urcamp Documenta, idealizado pelo coordenador do curso de Jornalismo, Glauber Pereira: "este espaço é importante porque permite aos alunos e professores interegir com a comunidade, dando visibilidade a fenômenos e eventos socialmente relevantes", aponta. Nesse mesmo projeto o curso de Jornalismo soma 10 documentários rtealizados com temáticas regionais.